Magnus deslancha no segundo tempo e impõe terceira derrota ao Blumenau na LNF

Texto: Eduardo Gouvea
Imagens: @pedro.trevisan_

Em um dos jogos que abriram a terceira rodada da Liga Nacional de Futsal, realizado na noite desta sexta-feira (3), o Magnus derrotou o Blumenau por 6 a 2, conquistando sua segunda vitória seguida e impondo a terceira derrota em três jogos aos donos da casa.

Com a vitória, o time de Sorocaba chegou aos seis pontos e no momento é o segundo colocado, mas deverá perder algumas posições ao longo da rodada. Já a equipe catarinense segue zerada e pelos critérios de desempate ocupa a penúltima colocação.

Começo amarrado e final de primeiro tempo insano

Apesar de visitante, o Magnus dominou os minutos iniciais, trabalhando as jogadas com paciência e arrematando para o gol assim que achava boa oportunidade. Com isso o goleiro Delduque começou a se destacar e ainda foi salvo pela trave aos 2’59, em chute de Mendonça.

O time da casa já tinha uma estratégia definida, com marcação baixa, muita pressão e tentando sair em velocidade tão logo recuperava a bola. Assim, sua primeira finalização ocorreu apenas aos 4’26. Após cobrança de falta ensaiada, Diogo chutou forte para a defesa de André Deko.

Pelos lados do Magnus, as jogadas individuais eram um tormento para a defesa adversária. Aos 7 minutos Leandro Lino bateu cruzado e exigiu outra boa intervenção do goleiro da casa. Aos 11’09, Gabriel trabalhou bem pelo lado esquerdo e soltou o pé para mais uma defesa de Delduque.

Só que foi através do coletivo que o Magnus abriu o placar aos 12’10. Charuto recebeu de Leandro Lino na esquerda, tocou para Lucas Gomes no meio. Este serviu Elisandro na outra ponta, que devolveu para o próprio Charuto, já do lado direito. Ele dominou girando e bateu para o gol.

A resposta do Blumenau veio logo na sequência, em jogada característica do time, quando Diogo roubou a bola de Rodrigo, tocou para Crystian finalizar de esquerda e o goleiro André Deko defender com o pé.

O jogo ficou lá e cá e restando 1’46, Gabriel fez outra grande jogada, carregou para o meio e bateu no ângulo, mas Delduque voou para desviar para escanteio. Pouco depois foi a vez de André Deko salvar o Magnus, quando Pepita errou o passe e deu no pé de Crystian, que mais uma vez disparou em contra-ataque e seu chute parou no goleiro sorocabano.

Faltando nove segundos para o final do primeiro tempo, Crystian recuperou a bola no meio da quadra, avançou e mandou para a área, onde Vitor chegou batendo de primeira.   

Só que ainda tinha jogo no primeiro tempo. Faltando 4 segundos, após a cobrança de escanteio, Pepita arrematou de fora da área, o chute saiu mascado, mas Rodrigo, dentro da área, completou.

Segundo tempo

No começo da segunda etapa, o Blumenau até que tentou ficar mais com a bola, mas em pouco tempo o cenário voltou a ser parecido com os dos 20 minutos iniciais. Aos 23’22, após escanteio, Leandro Lino apareceu na área e mandou na trave.

Depois de muito pressionar, o Magnus conseguiu balançar as redes aos 27’13, quando Elisandro ganhou a disputa de corpo na quadra de defesa, escapou pela direita e virou do outro lado, onde Gabriel estava para ajeitar e bater para o gol, fazendo 3 a 1.

Após sofrer o terceiro gol o técnico Juninho pediu tempo e já acertou a tática do goleiro-linha, que passaria a usar minutos depois. Só que antes disso, saiu mais um gol sorocabano, quando aos 33’18, Pepita tomou a bola na defesa, avançou para o ataque, tocou para Charuto, recebeu de volta e, mesmo com marcador na sua frente, conseguiu completar.

Somente depois do Magnus marcar o quarto que de fato o Blumenau passou a usar o goleiro-linha, com Gamarra desempenhando a função.  A pressão deu certo e o time da casa descontou aos 34’19, quando Neto recebeu de Vitor na linha de fundo e, mesmo sem ângulo bateu de primeira. O goleiro André Deko se atrapalhou todo, soltou a bola e Diogo não perdoou.

Só que nem deu tempo de o time da casa celebrar o gol e na sequência Lucas Gomes recebeu na esquerda e virou na segunda trave para Elisando marcar o quinto e esfriar a reação dos anfitriões, isso aos 34’34.

E tinha mais. Aos 36’32, logo após André Deko fazer grande defesa em chute de Vitor e se redimir da falha anterior, Pepita deu um longo passe na medida para Leandro Lino aparecer na cara do gol, dar um tapa para as redes e decretar números finais ao duelo.

Faltando 1’31, Tofa finalmente conseguiu fazer sua estreia na Liga com a camisa do Magnus, para a alegria dos torcedores.  Quem não queria saber de alegria era André Deko, que defendeu um chute cara a cara de Gamarra.

O que vem pela frente

As duas equipes voltam a jogar pela Liga Nacional de Futsal apenas no dia 19 de abril. Às 20 horas o Magnus recebe o Taubaté na Arena Sorocaba enquanto que o no mesmo horário Blumenau recebe o Tubarão, no Ginásio do SESI.